Zé Neto e Cristiano – Tempestade em copo de cerveja

18 de junho de 2020

Letra: Tempestade em copo de cerveja – Zé Neto e Cristiano

E já passou 365 dias
Só esse mês
Eu fui e voltei
Da sua porta a um bar de esquina
Dava pra ir pra china

E o peito quanto mais vazio
Mais apertado vai ficando
Eu tô mal
Passou de sofrimento pra calamidade pessoal

Tô fazendo um brinde aqui
Pra quem não ta pensando agora em mim
Garrado na saudade
Batendo de raiva na mesa
Tempestade em copo de cerveja

Tô fazendo um brinde aqui
Pra quem não ta pensando agora em mim
Garrado na saudade
Batendo de raiva na mesa
Tempestade em copo de cerveja
Me deixa.

Por Fernando
542 Views

Gostou do Post? Deixe seu comentário!

SIGA e OUÇA nossa Playlist no Spotify

Siga as redes do Blog Tô No Buteco 🎤🎧

👉 Facebook: BlogToNoButeco

👉 Twitter: @BlogToNoButeco

👉 Instagram: @ToNoButeco

destaques

PARCEIROS

© 2020 tô no buteco - Todos os direitos reservados.