João Carreiro – Cigana

14 de outubro de 2016

Letra: Cigana – João Carreiro

Oh cigana eu voltei, vim de longe enfim
Você leu minha mão no final do verão
Não se lembra de mim?

Eu falei de um amor, de um amor que eu queria
Você leu minha sorte
E eu voltei pro norte na tarde de um dia

A cigana me disse, esse amor já é seu
Mas não foi nada disso cigana, o que aconteceu

Oh cigana não deu, a sorte me enganou
A mulher que eu queria
Da noite pro dia arrumou um amor
Lê minha mão de novo, eu preciso saber
Diga se eu vou ter sorte, cigana
Sorte pra esquecer.

Siga o nosso perfil no Instagram @TONOBUTECO !

Por Fernando
2769 Views

Gostou do Post? Deixe seu comentário!

SIGA e OUÇA nossa Playlist no Spotify

Siga as redes do Blog Tô No Buteco 🎤🎧

👉 Facebook: BlogToNoButeco

👉 Twitter: @BlogToNoButeco

👉 Instagram: @ToNoButeco

destaques

PARCEIROS

© 2020 tô no buteco - Todos os direitos reservados.